Aos 4 anos, garotas levam a amizade a outro nível e decidem que são gêmeas

Poucos laços são tão fortes quanto os que selam as amizades feitas na infância. Se, como eu, você teve a sorte de manter amigos queridos ao longo de décadas, sabe bem do que estou falando. E uma história singela que chega de Miami, nos EUA, mostra que ainda temos muito a aprender com nossos pequenos e a forma como eles encaram seus relacionamentos afetivos.

CONHEÇA E CURTA O TUDO DO BEM NO FACEBOOK

Jia Sarnicola e Zuri Copeland, ambas de 4 anos, conheceram-se no ano passado e logo viraram melhores amigas. A dupla frequenta a mesma escola e seus aniversários acontecem quase no mesmo dia — Jia nasceu em 3 de junho de 2013, e Zuri, dois dias depois.

VEJA TAMBÉM: Antes de operar o coração, garotinha faz fotos de “casamento” com seu melhor amigo

Quem conversa com as meninas fica impressionado com as suas semelhanças. Os duas apresentam os mesmos trejeitos e são igualmente falastronas, naquela simbiose típica das grandes amizades.

A sintonia fez com que Jia e Zuri chegassem a uma conclusão óbvia: as garotas são irmãs. Ou melhor, como seus aniversários acontecem no “mesmo dia”, é claro que as duas são gêmeas. E nem tente convencê-las de que o raciocínio está equivocado.

VEJA TAMBÉM: Fãs de “Stranger Things” derrubam site de museu por moletom usado na série

Em entrevista ao site norte-americano Buzzfeed, Ashley Sarnicola, mãe de Jia, falou sobre a lição que aprendeu com as meninas. “Elas não enxergam as cores de suas peles. E, em casa, jamais falamos com Jia sobre o assunto. E ponto final.”

VEJA TAMBÉM: Modelo polêmica lança calendário para ajudar a salvar animais em extinção

A dupla dinâmica bombou nas redes sociais depois que a irmã mais velha de Zuri postou a história no Twitter. Foi o que bastou para as meninas ganharem destaque na mídia norte-americana. Nada mais justo e inspirador.

arrow