Desempregada oferece seu tempo para ajudar as pessoas de graça e viraliza no FB – Tudo do Bem

Desempregada oferece seu tempo para ajudar as pessoas de graça e viraliza no FB



Segundo os dados mais recentes do IBGE, compilados até o final de fevereiro, o desemprego assola nada menos que 13,1 milhões de brasileiros. Um drama social que afeta pessoas de todas as classes, nos mais diversos segmentos do ciclo produtivo.

CONHEÇA E CURTA O TUDO DO BEM NO FACEBOOK

Enquanto esse desalento empurra milhões de trabalhadores para o abismo, vez ou outra topamos com histórias que nos enchem de esperança. Vejamos o caso da curitibana Jana Estevão. Assim como inúmeros desempregados conectados às redes sociais, ela tem usado sua página no Facebook para procurar novos desafios.

VEJA: Inspire-se com 12 recriações de obras clássicas feitas com Lego

Mesmo diante desse desafio, Jana não perdeu o bom humor. Prova disso é a foto que ela anexou ao post acima:

VEJA TAMBÉM: Coruja tira soneca em turbina de avião e é salva momentos antes da decolagem

Mas a postagem que fez Jana viralizar no Facebook nos últimos dias tem conteúdo bem diferente. Para entender, basta ler o texto abaixo.

VEJA TAMBÉM: Astro da música country conta como adotou 70 cavalos que iam para o abatedouro

Publicado em um grupo exclusivo de mulheres, o post bombou forte na rede social, conforme comprovam os números acima. Desde então, a curitibana de 32 anos vem ganhando destaque na mídia local e agora chama atenção de alguns dos maiores veículos de mídia do País.

Jana (foto abaixo) disse à reportagem do G1 que ficou surpresa com a repercussão de seu texto. “Eu recebi muitas histórias de pessoas que acabaram de se separar e outras que disseram até ter sofrido violência dentro de casa. Eu ouvi e indiquei alguns contatos de psicólogos que atendem gratuitamente e passei. Elas ficaram bem gratas”, afirmou ao portal.

VEJA TAMBÉM: Professora cria mecanismo genial para monitorar a saúde emocional de seus alunos

E Jana já percebeu que a maior consequência da sua atitude vai ainda mais além. “Mas o que eu mais fiquei feliz foi que outras pessoas se propuseram a fazer a mesma coisa. Eu me sinto como se estivéssemos formando uma corrente do bem.” 

Nós, aqui do TUDO DO BEM, só podemos aplaudir a iniciativa de Jana e torcer para que ela saia o mais rápido possível da imensa fila de desempregados que se espalha pelo Brasil. Força e boa sorte!!!

  • arrow