Finlândia quer aumentar licença paternidade para sete meses - Tudo do Bem

Finlândia quer aumentar licença paternidade para sete meses



O governo da Finlândia estuda aumentar para sete meses o período de licença paternidade, o mesmo período que é concedido para as mães no país.

+Fotógrafo registra amor da avó pelo seu cachorro
+Artista cria obras de arte usando pedras
+Bebê fica famosa ao nascer às 20h02 de 2/2/2020

No curto prazo, o objetivo da medida é lidar com as taxas de natalidade em declínio do país. Já no longo prazo, o objetivo é que isso resulte em condições de trabalho e remuneração mais parelhas entre homens e mulheres.

A proposta ainda é mesmo radical do que a legislação em vigor na Suécia, onde pai e mãe têm direito a até 16 meses de licença remunerada, período que pode ser prorrogado em caso de nascimento de gêmeos.

No sentido oposto, os Estados Unidos são um dos poucos países desenvolvidos sem uma legislação do tipo: apenas 15% dos trabalhadores tinham acesso à licença remunerada até março de 2017.

Veja também:

+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021

+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias

+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões

+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais

+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’

+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos

+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!

+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco

+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano

+ O bico do seu p… é rosa? Juliana Caetano, responde a fã de maneira ousada



  • arrow