Fotógrafo holandês faz imagens incríveis de flores congeladas - Tudo do Bem

Fotógrafo holandês faz imagens incríveis de flores congeladas

Uma visão mágica das flores de macieira.

A Holanda é mundialmente famosa por sua bela produção de flores. Por onde andar, vai ter muitas espécies diferentes para ver e fotografar. E, um fotógrafo em particular, tem feito imagens incríveis com elas. Mas, um pequeno detalhe: as flores estão congeladas.

+ Mecânico encontra uma fortuna em obras de arte em depósito de lixo

+ 15 fotos que provam não ter nada mais divertido do que recriar memórias

+ Garotinha ucraniana acha na Inglaterra boneca igual a que deixou para trás fugindo da guerra

Durante a primavera, em algumas noites muito frias, com temperaturas muito abaixo de zero, os fruticultores holandeses pulverizam todas as suas árvores com água durante a noite e de manhã cedo. Isso, ao contrário do que esperaríamos, realmente protege as flores. Esse processo deixa os fruticultores sem dormir mas, lindas flores congeladas, aparecem pela manhã.

A água congela ao redor das flores e botões e dá uma camada protetora elas. Com a primeira luz do sol, a água descongela e a maioria das flores amanhece intacta!

O fotógrafo Albert Dros captou a magia da água congelada ao redor das flores. Para nossa sorte ele compartilhou seu trabalho no site Bored Panda. A cor das flores, com o brilho do gelo, formam imagens realmente incríveis. Separamos algumas para você também ficar encantado.

As flores de ameixa

 

Super close de um botão de flor de macieira em seu estágio inicial

 

Às vezes, o gelo cria estruturas espetaculares ao redor das flores

+ 13 vezes que as pessoas perceberam detalhes estranhos em objetos comuns

+ Austrália compra e devolve milhares de hectares de terra ao povo aborígene

As árvores sendo pulverizadas pela água com a primeira luz do dia.

 

Pulverização de água constante nos pequenos botões de flores de pereiras
Aqui os bulbos de água ainda são grossos, pois isso foi fotografado antes do sol nascer, com temperaturas ainda muito abaixo de zero
  • arrow