Homem encontra fita em videocassete e devolve para a família – Tudo do Bem

Homem encontra fita em videocassete e devolve para a família

Homem encontra fita em videocassete e devolve para a família



Uma fita de vídeo considerada perdida foi devolvida para uma família da cidade de Austin, no estado do Texas (EUA), após ser encontrada em um videocassete comprado em um brechó. A gravação trazia imagens dos primeiros passos de um bebê.

-Austrália usa helicópteros para ajudar animais afetados por incêndios

-Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo

-Ford Mustang de “Bullitt” é vendido por US$ 3,4 milhões

Da acordo com o site Today, o Jim McKay comprou o aparelho há cerca de um ano e teve a surpresa ao ligá-lo pela primeira vez. Surpreso com as imagens, iniciou uma campanha no Facebook, no último dia 4, para localizar os donos da fita. “Sou pai e [as imagens] me tocaram profundamente”, destacou McKay.

A postagem viralizou e acabou indo parar nas redes de TV locais. Foi quando a mãe do pedagogo TyRe Alexander, 26 anos, também morador de Austin, reconheceu o seu filho nas imagens, gravadas em 1994.

Depois de ver a gravação pela primeira vez na vida, Alexander afirmou que o seu objetivo é transmitir para os outros a mesma alegria que lhe trouxe McKay.

Veja também

+ Golden retriever obeso é abandonado, ganha nova família e perde 45 kg

+ Artista recria rostos de imperadores romanos

+App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+McDonald’s vende molho especial pela primeira vez no Brasil

+ No Twitter, aparecem fotos do navio que transportou nitrato de amônio para Beirute

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ 5 minissuculentas que vão trazer muito charme à sua casa

+ Saiba mais sobre a vacina BCG, uma das mais importantes da infância

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Sylvester Stallone coloca seu Cadillac Escalade personalizado à venda; confira!

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo

  • arrow