Vai lá: festival gratuito celebra o centro histórico de São Paulo neste final de semana – Tudo do Bem

Vai lá: festival gratuito celebra o centro histórico de São Paulo neste final de semana

Reprodução



O centro histórico de São Paulo vai receber o 1º Festival A Vida no Centro, neste fim de semana, com atrações musicais, visitas guiadas, debates e atividades para crianças. O evento será realizado na Praça Antônio Prado e busca estimular a relação da população com a região.

CONHEÇA E CURTA O TUDO DO BEM NO FACEBOOK

Todas as atrações são gratuitas — e a maior parte ao ar livre. A cantora e compositora Mariana Aydar (abaixo) é o destaque da programação, num show num palco montado na Rua 15 de Novembro, no sábado, dia 9, às 20h.

VEJA TAMBÉM: Como a música pode transformar o luto em uma playlist de memórias eternas

A programação musical começa às 16h, com a apresentação do músico Thiago Pimentel, e continua com o DJ Theo Werneck, que vai discotecar entre 18h e 20h e, depois, entre 21h30 e 1h, com uma festa de brasilidades. Todas essas apresentações serão realizadas no Coreto da Praça Antônio Prado.

No domingo, a festa musical continua com apresentação de DJs entre 15h e 17h e, às 17h, o encerramento será com a cantora e compositora Ana Cacimba (abaixo).

VEJA TAMBÉM: Homem leva cavalo a caixa eletrônico e mostra como o brasileiro é de boas

A programação também inclui debates sobre cidades, no sábado, no CCBB, e um painel sobre a importância da atividade física e os riscos do sedentarismo no domingo, às 10h, na unidade da Bio Ritmo na Rua 15 de Novembro. Em seguida, ao meio-dia, instrutores da academia comandam uma aula gratuita de Fit Dance, na Praça Antônio Prado.

O festival é uma iniciativa dos empreendedores Denize Bacoccina e Clayton Melo , criadores da plataforma A Vida no Centro — um hub de informação e inteligência especializada no Centro de São Paulo — e Gê Rocha, da CoPlayers, especializada em projetos de comunicação, (foto abaixo).

O evento conta com o patrocínio do Grupo Bio Ritmo e apoio da Prefeitura Municipal de São Paulo, por meio da Secretaria de Turismo e da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, além de Globo e CCBB. O evento ainda tem como parceiros Preshow, JC Decaux, Tempero Cultural, CIVI-CO e Margem Cultural.

Reprodução
Reprodução

VEJA TAMBÉM: Tem feijoada na privada! Divirta-se com os pratos mais bizarros das redes sociais

“Nosso propósito é mostrar o que o centro de São Paulo tem de melhor, e isso passa diretamente pela cultura, história e beleza arquitetônica da região central. O festival é um momento para as pessoas experimentarem o centro”, explica Clayton Melo, diretor da plataforma A Vida no Centro.

A arena infantil, montada na Praça Antônio Prado, terá atividades a partir das 10h, com contação de histórias, teatro, tours guiados e especialmente concebidos para ensinar às crianças a história de São Paulo, por meio de visitas aos prédios históricos. A agência cultural Gente que Produz apresenta o espetáculo de circo-teatro “A Cenoura Gigante”, com a palhaça Sinira Antonieta, às 11h, também na Praça.

VEJA TAMBÉM: Confira o momento em que família é salva de colisão causada por motorista bêbado

O programa educativo do CCBB Educativo Arte & Educação também terá uma programação especial neste fim de semana. O projeto Derivas da Memória terá monitores na Praça Antônio Prado e no CCBB, entre 12h e 16h, orientando os visitantes a fazer um trajeto pela história da cidade, identificando prédios históricos e fazendo uma volta ao passado através de imagens do local em períodos anteriores. Haverá ainda visitas guiadas ao prédio do CCBB, construído em 1901, reformado em 1927 para se tornar uma agência do Banco do Brasil e desde 2001 transformado em centro cultural.

Serão realizados ainda vários passeios guiados. Um deles, no sábado à cidade, permite apreciar a cidade no pôr do sol, seguindo pelo início do período noturno, o que permite apreciar a iluminação cênica dos prédios do Centro Histórico. No domingo de manhã haverá um passeio para crianças acompanhadas dos responsáveis, um roteiro que vai mostrar a arquitetura da região em seus vários períodos e um passeio bilíngue português/inglês com o Free Walking Tour.

Confira a programação completa no site da plataforma A Vida no Centro.

Texto publicado originalmente no site da revista ISTOÉ. Reproduzido sob autorização.

Join the Discussion

Your email address will not be published. Required fields are marked *

  • arrow